Antes de começar a busca por um Coworking em Ribeirão Preto, passei toda a minha carreira no mundo corporativo e devo dizer que trabalhei em alguns escritórios corporativos muito luxuosos.

Foi quando começamos o negócio que conheci o conceito de Coworking. Em 2015, tenho que admitir que estava um pouco cético! Mesas vacilantes, alguns pratos de papel e talheres de plástico na ‘cozinha’ (também conhecido como um banco, frigobar e microondas), mas pelo menos o wi-fi era bom!

Em um estágio, testamos a ideia de ter nosso próprio escritório. Mas mesmo com o crescimento de nossa equipe, acabamos abrindo mão do espaço, tomando a decisão consciente de ter nosso QG em um Coworking em Ribeirão Preto.

Hoje estou escrevendo este post de um Coworking em Ribeirão Preto – SP, olhando para a baía, sentado em um sofá muito confortável na área comum chique. Nos últimos meses, também passei um tempo em espaços de coworking fora do país, Melbourne, Londres, Cingapura, Seattle, LA e Chicago. Basta dizer que agora me sinto totalmente ‘em casa’ operando em um Escritório Virtual em Ribeirão Preto e agora não é mais estranho estar tendo uma reunião em uma sala seriamente enfeitada como um grande iglu ou atendendo a uma chamada de uma ‘cabine de atendimento’.

Recentemente li um artigo interessante publicado pelo The Instant Group (especialistas em espaços de trabalho flexíveis) e queria compartilhar algumas de suas descobertas.

A demanda por escritórios compartilhados e espaços de coworking está aumentando com o mercado total de coworking atualmente em torno de R$15,75 bilhões. Cada vez mais empresas buscam uma forma flexível de trabalhar para reduzir custos, aumentar a agilidade e oferecer mais opções às suas equipes.

O coworking melhora a produtividade, com 71% dos trabalhadores dizendo que se sentem mais criativos em um Coworking em Ribeirão Preto e 68% dizendo que são capazes de se concentrar mais. Os Escritórios Instantâneos analisaram os benefícios do coworking e como escolher um espaço que atenda às suas necessidades.

Também conhecido como espaço de escritório compartilhado, o coworking dá às PMEs, empresários e freelancers acesso a todas as instalações e vantagens de um espaço de escritório convencional sem o custo de um aluguel e todos os extras ocultos que o acompanham. O Coworking permite que as pessoas trabalhem de forma independente em um espaço com valores compartilhados e uma cultura definida, e está sendo cada vez mais adotado por organizações maiores também.

Aqui estão 9 coisas a serem consideradas ao escolher um espaço de escritório compartilhado.

 

  1. COMODIDADES DE ESCRITÓRIO

A maioria dos espaços será equipada com equipamento de escritório padrão, mas certifique-se de perguntar sobre qualquer coisa extra, como instalações para conferências, salas de telefone, espaços privados, projetores, etc.

 

  1. ATMOSFERA

Concentre-se em encontrar um espaço de escritório construído para colaboração e produtividade. Os espaços de trabalho estão se tornando cada vez mais centrados no usuário hoje em dia para garantir um melhor ambiente de trabalho.

 

  1. INTERNET RÁPIDA

Ao escolher um espaço, você deseja uma Internet que forneça velocidade e confiabilidade, então certifique-se de consultar e testar as velocidades do wi-fi para garantir que estão em dia.

 

  1. VANTAGENS

Muitos espaços de escritório compartilhados oferecem coisas como chá e café grátis, que vale a pena testar se você for beber todos os dias. Outros oferecem regalias como refeitórios, áreas de ginástica, áreas ao ar livre para trabalhar e até cerveja grátis.

 

  1. SEGURANÇA

Você deseja um espaço em que se sinta seguro ao deixar seu trabalho durante a noite, portanto, verifique quais são os protocolos de segurança e se o espaço de sua escolha adota medidas de segurança específicas.

 

  1. ACESSO

O espaço está aberto 24 horas por dia, 7 dias por semana ou fecham à noite? Descubra quais são as horas de trabalho para que você possa planejar seu tempo com mais eficácia e permanecer flexível, se necessário.

 

  1. SURROUNDS

Tão importante quanto a localização para as rotas de transporte público, também é importante que seu espaço esteja perto de comodidades de sua escolha para que você possa sair para almoçar ou ir à academia com facilidade. Considere o que os clientes em potencial que vêm para se encontrar com você também podem pensar na área circundante.

 

  1. CUSTOS OCULTOS

Certifique-se de perguntar antecipadamente quais são todos os custos ocultos, desde impressão e uso de salas de reuniões até espaço de cozinha e máquinas de café.

 

  1. PERÍODOS DE TESTE

O espaço de sua escolha oferece um período de teste antes de exigir que você se comprometa com um contrato? Em caso afirmativo, teste-o para ver se ele atende aos seus requisitos.

Alguns dos outros benefícios do coworking e do espaço de escritório compartilhado incluem:

  • Eficaz na redução de custos – pague apenas pelo espaço de que necessita
  • Oportunidades de colaboração e networking
  • Ocupe apenas uma mesa, com a flexibilidade de expandir
  • Os contratos estão disponíveis por apenas um mês
  • Os escritórios são mobiliados, pré-cabeados e oferecem várias comodidades
  • Mova-se no dia em que você assinar

A popularidade dos espaços de coworking está certamente em ascensão. De acordo com uma pesquisa conduzida pela Instant Offices e CoreNet Global em um relatório intitulado ‘Coworking, A Corporate Real Estate Perspective’, o número de centros de coworking é projetado para totalizar mais de 26.000 até o próximo ano.

Hoje, os maiores mercados de coworking desenvolvidos são os Estados Unidos, Reino Unido e Austrália, com os maiores mercados de coworking emergentes, incluindo Índia, Brasil, Malásia, China, Alemanha, México, França, Turquia, Cingapura e Itália.

Talvez seja hora de você também entrar no movimento do coworking! Quem sabe onde nossos caminhos podem se cruzar!

A maior parte das pessoas consideram o marketing digital para odontologia como um investimento desnecessário, pois acreditam que os clientes irão procurar seu negócio aleatoriamente, sem qualquer informação a respeito dele. No entanto, como percebemos na atual conjuntura social, o marketing digital é o meio mais eficaz de ligar possíveis clientes ao seu consultório.

Nos tempos atuais, a sociedade está cada vez mais conectada aos celulares e as redes sociais, fazendo com que o marketing digital para dentistas se torne

uma ótima ferramenta de captação.

Com isso, as possibilidades de exploração desse meio são gigantescas e a seguir falaremos um pouco mais a respeito disso. Portanto, se você deseja aprender um pouco mais sobre o marketing digital para dentistas, continue a leitura desse artigo e descubra algumas excelentes dicas de captação desse público.

Aprenda como funcionam as mídias sociais

As redes sociais como Facebook e Instagram possuem atualmente mais de 200 milhões de usuários, além de quase 3 mil empresas que trabalham anunciando nesses meios. A grande sacada em meio a essa enorme quantidade de informações é buscar um diferencial, algo que o torne diferente da maioria dos anunciantes que publicam seus serviços nas redes. Esse diferencial na forma como você irá anunciar os seus serviços é o que fará com que mais pessoas se interessem por eles.

Geralmente algumas simples atitudes ou gestos trazem o cliente mais pra perto, como por exemplo um consultório aconchegante e com área para crianças, benefícios criados para clientes que frequentam o consultório a determinado tempo, etc. Esses pequenos detalhes são cruciais e acabam fazendo grande diferença na captação de novos clientes.

Portanto, foque em trazer novas experiências diferentes das praticadas em outros consultórios, a inovação é sempre vista com bons olhos pelo mercado. Atente-se a pequenos detalhes e perceba o quão mensurável serão os resultados obtidos.

Descubra a linguagem ideal

Cada uma das redes sociais disponíveis atualmente conta com perfis de gente bastante variado. Essa diferenciação das pessoas que acessam cada uma dessas redes é uma ótima abertura para construir uma relação comercial. Portanto, é necessário adaptar sua comunicação de forma que cada uma dessas pessoas de diferentes redes sociais entendam e se interessem pelos seus serviços.

Invista em um público específico

O marketing digital facilitou economicamente a vida dos anunciantes, uma vez que tornou desnecessários gastos com anúncios impressos, panfletos, etc. Aliás, trouxe um grande benefício com relação a esses anúncios: a possibilidade de segmentar as pessoas que irão vê-lo através dos anúncios do Google. Portanto, essa possibilidade deve ser aproveitada da maneira mais sábia possível, ou então o investimento será em vão. Por exemplo: não adianta exibir anúncios de consultórios dentários para crianças que têm como principal interesse jogos eletrônicos. Esse anúncio provavelmente passará em branco e o gasto terá sido desnecessário, daí a necessidade de escolher corretamente para quem exibir.

Aprenda a conquistar o cliente

As pessoas que estão buscando algo na internet, geralmente o fazem pelo primeiro site que costuma aparecer na pesquisa. Todas as buscas se resumem a 4 fases: aprender e descobrir mais a respeito de um problema> reconhecer que possui o problema; buscar soluções viáveis para resolvê-lo>decidir por obter o produto ou serviço que ajudará com o problema.

Dessa forma, o site do cliente precisa chamar a atenção dos clientes e figurar nos primeiros resultados da pesquisa do Google quando se busca soluções para o problema. Portanto, para que isso aconteça com seu site, é necessário realizar alguns investimentos para torná-lo mais popular e bem ranqueado.

Mantenha os sites e redes sociais atualizados

O marketing digital para dentistas por meio de sites ou redes sociais deve ser feito com muita regularidade e constância. Algumas vezes ao dia é necessário sempre produzir conteúdo para que suas mídias sociais estejam atualizadas.

No momento em que deixa de gerar conteúdo diário, irá passar para o cliente uma imagem de abandono e descaso com a empresa, o que fará com que ele crie uma imagem negativa da instituição, portanto, sempre manter as redes atualizadas é uma excelente dica.

Conheça seus concorrentes

Ao fazer um marketing digital para odontologia, é importante estudar seus concorrentes que estão fazendo campanhas nas redes sociais. Estude minuciosamente suas campanhas e busque um diferencial para se destacar em relação a elas, fazendo com que seus serviços se tornem mais atraentes que os anunciados por outros dentistas.

Use e abuse das redes sociais

Como já mencionamos anteriormente, essas redes possuem um grande poder de convencimento sobre as pessoas. Elas contam com centenas de milhares de usuários diariamente, fazendo com que as oportunidades de mostrar seu trabalho a essas pessoas sejam bastante interessantes. Vale lembrar que essa publicidade deve ser feita de maneira regulada, uma vez que o código de ética da odontologia proíbe algumas práticas que possam ser consideradas inadequadas.

Cadastre seu empreendimento no Google Meu Negócio

Essa ferramenta é uma espécie de catálogo, onde o consultório cadastrado ficará disponível para pesquisas, semelhante aos catálogos utilizados antigamente. Por lá será possível obter algumas informações como endereço, horário de funcionamento, sites, telefones para contato, etc. Além disso, por estar vinculado ao Google Maps, é possível que a pessoa utilize o GPS para chegar até seu consultório, tornando ainda mais atrativo seu empreendimento.

Foque em notícias e informações via e-mail

Uma forma bastante eficaz de manter relação com clientes ou atrair novos são os e-mails de publicidade, ou seja, esses e-mails geralmente possuem conteúdo informativo a respeito de saúde bucal, escovação, melhores escovas de dentes ou qualquer outro conteúdo que tenha relação com a odontologia.

Os e-mails são disparados para todos daquela lista, o que irá manter uma proximidade do dentista com o cliente. Já para aqueles que solicitam esses e-mail através do site, fará com que seja construída uma relação do dentista com ele, através desses e-mails que o manterá informado a respeito das novidades no mundo da odontologia.

Tudo isso irá melhorar a relação com os clientes e permitirá sua fidelização com mais facilidade. No entanto, para evitar o constrangimento de ter esses e-mails interpretados como Spams, é necessário que o dentista cheque se os clientes desejam recebê-los.

Em caso de resposta positiva, será possível progredir com o disparo desses e-mails. Isso irá gerar bastante engajamento e acessos ao site do dentista, fazendo com que se torne melhor ranqueado e assim construindo um círculo de obtenção de clientes.

E então, o que achou do nosso artigo? Restou alguma dúvida a respeito do marketing digital para odontologia? Se sim, deixe o questionamento nos comentários ou envie diretamente para nós através do nosso e-mail que retornaremos com respostas assim que possível.

A busca pelo sucesso de uma empresa é com certeza o principal objetivo daqueles que decidem se arriscar no mundo dos negócios. Fazer uma empresa crescer financeiramente é um trabalho complexo onde diversos critérios devem ser observados na hora de chegar ao objetivo desejado.

A verdade é que para conseguir atingir esse objetivo, diversos tipos de ações precisam ser tomadas, fazendo com que a empresa não apenas alcance o sucesso, mas também mantenha-o durante toda a sua trajetória.

Um planejamento adequado, gestão financeira de qualidade, e otimização dos processos são apenas algumas das ações que farão com que a empresa decole e permaneça sempre em seu auge. Abaixo, elencamos algumas dicas que farão com que seu negócio se torne um sucesso.

12 dicas para fazer seu negócio crescer

Abrir um negócio é uma decisão bastante difícil, uma vez que são necessários altos investimentos sem garantia de retorno.

Atualmente, segundo um estudo feito pelo IBGE, o número de empresas com alto crescimento diminuiu bastante em relação aos anos anteriores, com crescimento inferior a 20% por ano.

Esses números demonstram o tortuoso caminho percorrido pelas empresas na hora de melhorar seus negócios. Se por um lado já é bastante difícil manter um negócio, mais ainda será fazer uma empresa crescer financeiramente. Não há receita para o sucesso. Diversos fatores devem ser observados e ações devem ser colocadas em prática, onde temos como a primeira dessas ações:

Criação de um plano de negócios

O plano de negócios é um documento físico ou virtual, que irá conter todos os objetivos e os meios utilizados para alcançá-los. Para criação desse plano, deverão ser elencadas de forma bastante detalhada informações a respeito do segmento de atuação da empresa;

  • Detalhar as informações de todos os produtos e serviços fornecidos;
  • O que a empresa precisará em termos de infraestrutura para iniciar o funcionamento;
  • Especular a respeito da capacidade de produção, quantidade de clientes que poderão ser atendidos, e o quadro de pessoal necessário para satisfazer as necessidades da empresa;
  • Analisar o mercado concorrencial;
  • Realizar estudos sobre o público alvo de seus produtos;
  • Levantar os fornecedores, pontos fortes e fracos do seu comércio;
  • Definir estratégias de marketing;
  • Estimar gastos para funcionamento da empresa e criar estratégias para os mais variados cenários.

Embora seja impossível prever todos os possíveis cenários que possam prejudicar a empresa, com um plano de negócios bem feito a incidência desses riscos tendem a ser menores.

Conhecer bem o público alvo

Realizar análises a respeito dos seus clientes e público alvo é de extrema importância na manutenção de um negócio de sucesso. Eles devem ser o foco dos serviços e produtos ofertados pela empresa, pois, sem clientes é impossível manter um estabelecimento comercial.

Portanto, vale a pena investir em conhecimento a respeito do público que deseja atingir com seus produtos e serviços. São eles que irão fazer a roda do comércio girar, onde quanto melhores forem os serviços prestados pela empresa, mais chances de o cliente fidelizar a instituição.

Capacitação dos colaboradores

Outra questão que merece bastante atenção diz respeito às pessoas que colaboram com o funcionamento do negócio. Eles serão o primeiro contato do cliente com a empresa, portanto, quanto mais bem atendido for o cliente, mais chances terá de ele voltar a fazer negócios com a empresa.

Para isso, invista em treinamentos para os colaboradores conhecerem profundamente todos os produtos que são comercializados, além de desenvolver habilidades de comunicação e convencimento, lidando com as mais diversas situações onde um tratamento de qualidade para com o cliente será de suma importância.

Marketing

Já viu aquele ditado: “quem não é visto não é lembrado?” . Pois bem, isso se aplica bem nos negócios.

A verdade é que, quanto mais as pessoas souberem a respeito da sua empresa, mais elas irão lhe procurar na hora que precisar dos serviços que sua empresa fornece.

Portanto, uma ótima dica é investir bastante em marketing digital, porém, esse investimento não deve ser feito aleatoriamente sem estudar o público que irá visualizar. São necessários segmentar os anúncios para para clientes em potencial e não apenas sair divulgando sem qualquer orientação.

Manter uma boa gestão financeira

Contratar gente qualificada para gerir financeiramente seus negócios é uma das mais eficientes formas de fazer uma empresa crescer financeiramente. Essa ferramenta faz com que se tenha um balanço a respeito dos gastos, quais pontos melhorar e como balancear lucro e gastos.

Ter paciência

Paciência é a chave para alcançar a prosperidade. Muitas das pessoas que adentram o mundo dos negócios entram com uma ideia bastante supérflua de ganhar muito dinheiro rapidamente. No entanto, o que faz essas pessoas desistirem é justamente as dificuldades iniciais enfrentadas nas empresas. Muitas vezes acabam por falir e desistir da sua carreira. Portanto ter paciência para enfrentar as dificuldades e se manter no controle irão fazer com que se chegue ao topo.

Ofereça um diferencial

A maior parte das pessoas ao entrarem em estabelecimento comercial estão acostumadas a terem a mesma experiência na hora de realizar suas compras ou buscar serviços. Muitas das vezes, um simples diferencial pode ser uma forma eficiente de fazer uma empresa crescer financeiramente. Um exemplo bastante pontual é um restaurante que oferece um ambiente interativo, com lugares para tirar fotos e postar em redes sociais. Ao mesmo tempo que oferece um atrativo, ainda contribui para sua divulgação.

Utilização de ferramentas digitais

A utilização dessas ferramentas irá proporcionar mais rapidez e facilidade na hora de gerenciar os dados de seus clientes. Com elas é possível inovar na solução de possíveis problemas, prever e minimizar erros, além de automatizar algumas tarefas.

Verificar a viabilidade do mercado

Antes de iniciar um negócio, é importante que a pessoa verifique se há mercado consumidor para seu produto. Ou seja, se as pessoas irão comprar o que você está vendendo.

Por exemplo, abrir uma empresa de venda de rações para animais. É necessário que se estude se há pessoas na localidade que irão comprar esses produtos. Assim, para fazer uma empresa crescer financeiramente é necessário que haja essa verificação.

Verificar a viabilidade do produto

É necessário a definição de um preço para os produtos comercializados e se as pessoas irão pagar o valor definido, uma vez que após abrir o comércio, dificilmente será possível realizar alterações substanciais no preço sem que haja rejeição.

Controle o dinheiro que sai e que entra no caixa

Esse controle será fundamental na hora do balanço das contas da empresa. Se o dinheiro gasto for maior que o lucrado, haverá um desbalanço nas contas da empresa, o que posteriormente causará sua falência.

Seja detalhista

Embora não estejamos livres de acasos e situações fortuitas nos negócios, ao planejá-lo detalhadamente esses riscos serão reduzidos drasticamente e as chances de afetar os negócios serão mínimas, portanto, vale a pena se organizar bem para obter sucesso em seu negócio.

Seguindo essas dicas, com certeza o processo de fazer uma empresa crescer financeiramente se tornará mais fácil e as chances de seus negócios prosperarem serão bem mais altas, portanto, preste bem atenção e ponha todas em prática.

Muitas pessoas buscam sempre ter a versão mais atualizada dos aplicativos preferidos, mas como baixar o WhatsApp atualizado?

Cada nova versão do WhatsApp traz novas ferramentas, novos emojis e novos benefícios para os seus usuários.

Por isso, muitos correm para conseguir a versão atualizada o mais cedo possível e começarem a curtir.

Então, siga lendo o artigo para saber como você pode fazer para baixar o GB WhatsApp atualizado.

Como baixar o WhatsApp atualizado?

Todo mundo quer ter sempre a última versão do aplicativo, e com o WhatsApp não é diferente.

Então, na verdade, existem duas maneiras de baixar o WhatsApp atualizado, a convencional pela loja de aplicativos do seu celular, ou a alternativa.

Mas, qual a diferença? Se a versão atualizada do aplicativo estiver disponível já, você precisa apenas ir na Play Store e mandar atualizar o WhatsApp.

Nesse caso, ao pesquisar o aplicativo WhatsApp, a opção de atualizar o aplicativo irá aparecer para você. Então, basta clicar e esperar ele ser atualizado.

Entretanto, tem uma outra maneira. Muitas vezes a versão atualizada do aplicativo já existe, mas não está disponível nas lojas de aplicativos ainda.

Então, nesses casos, você irá precisar atualizar o aplicativo pelo apk, que é uma outra maneira de fazer essa atualização.

Baixar o aplicativo via APK é baixar ele manualmente, antes que a atualização automática fique disponível para você.

Assim, você consegue ter o seu WhatsApp atualizado antes das outras pessoas, e já pode começar a usufruir de todos os seus benefícios.

Portanto, faremos aqui um passo a passo de como baixar o WhatsApp atualizado com o apk.

Configure o seu celular para conseguir baixar a atualização

O comando natural do celular é não deixar você baixar nenhum aplicativo que não venha da loja oficial, seja Apple Store ou Play Store.

Por isso, você deve ir até as configurações do seu dispositivo, e achar a área de “Sistema”. Lá, você deve entrar na área de “Segurança”.

Dentro da área de segurança vai ter uma opção para você habilitar “Fontes desconhecidas”, e você deve ativar essa opção para o seu celular permitir que você baixe a atualização via apk.

Coloque o link no seu navegador

O segundo passo é pegar o link do WhatsApp para Android: o https://www.whatsapp.com/android e no link clicar no botão para fazer o download.

Não tem como errar, é clicar no botão verde escrito download. Então, automaticamente o site irá enviar o arquivo para o seu celular iniciar o download.

Mas, lembre-se de conferir antes de clicar para realizar o download se a versão que você está baixando é a certa, se é realmente mais atualizada do que a que você já tem.

Dê mais uma permissão para o celular fazer o download

Assim que você clicar em download, aparecerá uma mensagem falando que o arquivo pode ser perigoso, então, você precisa clicar “Ok”.

Dessa maneira, o download será iniciado e finalizado sem problemas.

Inicie a instalação do WhatsApp atualizado

Você até agora fez o download do arquivo, mas precisa ainda começar a instalação do aplicativo, e isso só vai acontecer quando você clicar em “Instalar”.

A opção de instalar o aplicativo irá aparecer na notificação que você irá receber depois de ter feito o download no site.

Então, é só clicar em Abrir para o aplicativo atualizado começar a rodar no seu celular. Pronto, você conseguiu baixar o WhatsApp atualizado.

Volte o seu celular as configurações antigas

O recomendado é que depois de baixar o aplicativo atualizado, você volte nas configurações de segurança para desativar a permissão de baixar de fontes desconhecidas.

Pois, essa configuração serve para proteger o seu celular de fontes que você não conhece e não permitiu.

Conclusão

Então, agora você sabe todas as maneiras de como baixar o WhatsApp atualizado e já pode curtir as novas ferramentas.

E aí, esse artigo foi útil para você? Se sim, deixe aqui o seu comentário.